Obama quer entrar de vez na discussão sobre reforma imigratória

 Obama quer entrar de vez na discussão sobre reforma imigratória

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pretende lançar sua ofensiva de segundo mandato para uma revisão da imigração nos EUA durante visita a Nevada esta semana, e fará da questão uma prioridade para obter a aprovação do Congresso a um pacote de reformas neste ano, disse a Casa Branca.
Obama, que se reuniu com líderes da bancada hispânica do Congresso, pretende usar sua viagem a Las Vegas amanhã (29) para "redobrar nossos esforços para fazer realidade uma reforma de imigração abrangente", disse o porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, informando que as propostas de Obama se baseariam num "projeto" que o presidente apresentou durante discurso realizado em 2011 perto da fronteira entre EUA e México. O governo nunca se esforçou muito para transformar esse plano em lei, que incluía um caminho polêmico para a "obtenção" da cidadania.
A reforma imigratória, em grande parte deixada de lado por questões econômicas no primeiro mandato de Obama, faz parte de uma ambiciosa agenda liberal que ele apresentou em seu segundo discurso de posse, que também inclui o controle de armas, direitos dos homossexuais e o combate à mudança climática.
As chances de um acordo bipartidário para revisar o sistema imigratório norte-americano parecem maiores, apesar das fortes divergências políticas que cercam a questão. Obama quer um acordo, assim como desejam muitos republicanos no Congresso depois de verem hispânicos votarem majoritariamente para o presidente e seus colegas democratas na eleição de 6 de novembro.
Alguns analistas políticos disseram que os republicanos devem aproveitar a chance de ajudar a alcançar a reforma imigratória ou então perder a oportunidade de ganhar apoio eleitoral latino significativo por uma geração ou mais. O senador Marco Rubio, um republicano da Flórida frequentemente mencionado como futuro candidato presidencial, começou a formular seu próprio conjunto de propostas que ele espera que possam atrair os conservadores.
A Casa Branca expressou interesse em escutar mais suas ideias. Rubio propôs dar aos residentes ilegais uma maneira de obter permissão de trabalho e então, um dia, a cidadania – mas teriam que esperar atrás dos imigrantes legais.
Ainda nesta semana, um grupo bipartidário de senadores pode anunciar um conjunto de princípios para a reforma imigratória consistente com o que Rubio vem defendendo, segundo um assessor do Senado. O porta-voz da Casa Branca disse que Obama usaria seu evento em Las Vegas para pressionar pelas amplas propostas que ele apresentou em maio de 2011. O estado de Nevada tem uma população hispânica que cresce rapidamente e que ajudou Obama a ganhar o Estado na eleição de novembro.
 Por: Por Matt Spetalnick, da Reuters 


Fonte: redebrasilatual

LEIA MAIS:
Rebeldes islâmicos destruíram manuscrito antigos em Timbuktu
O mais antigo retrato do mundo revela a mente da era glacial
Brasil: culpa do incêndio poderá ser imputada aos músicos
Share this article :
 
Reações: 

Postar um comentário

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2011. Diversão, informação e muito mais... - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger