Buracos Negros



A localização

Um campo vasto e escondido de pequenos buracos negros é previsto pelos cálculos científicos e a sua provável localização seria próxima do centro da nossa galáxia e esta poderia ser revelada quando uma nuvem gigante de gás passar por lá provavelmente em setembro de 2013, dizem os cientistas.

A nuvem G2 é tão grande como o nosso Sistema Solar, e com destino a um
buraco negro "supermassivo"  no núcleo da Via Láctea.No caminho, ele deve encontrar muitos buracos negros com apenas algumas dezenas de quilômetros de diâmetro.


O relatório


Um relatório na revista Physical Review Letters sugere que eles vão girar e aquecer o gás, que emitirá um jato de raios-X de luz que os telescópios podem detectar.


A nuvem de gás - três vezes maior do que a órbita de Plutão, mas com uma massa total apenas três vezes maior que a da Terra - foi detectada pela primeira vez e o seu curso em direção ao centro da galáxia em 2011.Os investigadores têm vindo a preparar-se para a abordagem da nuvem com o enorme buraco negro central da galáxia, com a sua maior aproximação em setembro.

"Oportunidade especial"


Mas Imre Bartos da Universidade de Columbia em Nova York, EUA, e colegas teve a idéia de usar a passagem da nuvem para outra finalidade."Nós sabemos que há um buraco negro muito massivo no centro da galáxia, muitos milhões de vezes mais pesado que o nosso Sol, e também suspeitamos que há milhares e milhares de buracos muito menores - algumas vezes com a  massa do Sol", explicou o Dr. Bartos. "Quando eu vi
esta nuvem pela primeira vez  indo em direção ao centro, pensamos que esta pode ser a primeira oportunidade para que algo diretamente possa nos possibilitar ver a existência desses buracos negros, perto do centro", disse ele à BBC News.A idéia é que, como já conhecemos a velocidade da nuvem nesse período de tempo, quando ocorrer o contato dela com esses pequenos buracos negros - alguns um pouco mais massa do que o nosso Sol, mas com apenas algumas dezenas de quilômetros de diâmetro - esperamos que o gás gire em em espiral em torno deles mais e mais rápido, esquentando a milhões de graus e emitindo luz de raios-X .As estimativas da equipe - com base em suposições sobre o quanto de gás há na nuvem - é que, como G2 fará sua passagem ao redor do buraco negro central,os telescópios espaciais com censores de raios-X , como Chandra ou NuStar devem ser capaz de vislumbrar cerca de 16 interações com os primos menores do gigante do centro da nossa galáxia.Mantendo um olho um pouco mais longe do gigante central espera-se que os raios-X também possam confirmar a existência dos chamados buracos de "massa intermediária".
 Aqui, novamente, a teoria prevê a sua existência - particularmente perto dos centros das galáxias - mas nenhum deles jamais foi definitivamente confirmados."Eu acho que é uma boa idéia", disse Stefan Gillessen do Instituto Max Planck de Física Extraterrestre, co-autor do artigo sobre a descoberta da nuvem G2 em 2012 na revista Nature "A grande incerteza, como sempre neste jogo, esta relacionada a densidade do gás que irá ser sugado pelo buraco negro"Por menos denso que seja o gás é, contamos que haja a probabilidade de que este seja o suficiente para produzir a emissão de raios X  que os nossos telescópios possam detectar. Mas como o Dr. Bartos aponta, é a primeira chance real de obter uma visão do que pode ser milhares de pequenos buracos negros escondidos entre nós e o núcleo galáctico."É uma oportunidade muito especial, e é também de muita sorte, já que agora temos a capacidade de observar essas coisas com telescópios de raios-X em satélites", disse ele.

( via bbc.co.uk ) e disclose
Share this article :
 
Reações: 

Postar um comentário

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2011. Diversão, informação e muito mais... - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger