Nunca li Isso na escola

9 Concepts Kids Should Learn About Health (Never Learned In School)


Quando trata-se de saúde, as crianças de hoje são guiadas por uma ilusão de realidade. Os professores da rede de ensino só tem as melhores das intenções, mas, infelizmente,  eles mesmo são liderados por um currículo tão distorcido do nosso mundo natural, que é quase impossível para as crianças aprenderem qualquer aparência de como obter um corpo saudável. Um novo paradigma de saúde está subindo e não é sob o radar. Eles são muitos e não concordam com as vacinas, OGM(Organismos Geneticamente Modificados),  flúor na nossa água, toxinas em nossos alimentos e ninguém pode provar que eles estavam errados. Mais pais, professores e líderes da sociedade precisam incutir essas mesmas afirmações em nossas crianças para transformar uma geração completamente má informada em uma que será informada gradativamente.

Longe vão os dias
em que as crianças já são esclarecidas sobre os perigos do fumo, álcool e fast food. Isso está enraizado na nossa cultura e no sistema educacional. No entanto, os perigos  mais relevantes que enfrentam as novas gerações  são de longo alcance, e não mais confinados às ameaças óbvias do passado e mais relacionadas aos que são partidários dos novos paradigmas de saúde que  têm vindo a salientar durante anos. Esta é a hora de pagar nossas crianças com o máximoda nossa atenção.


2. Organismos Geneticamente Modificados (OGM)



 Quando se trata de adolescentes e jovens adultos que cuidam de seus corpos, a aparência é muito mais importante do que a saúde. Apenas uma pequena porcentagem de homens e mulheres deste grupo etário reconhecem a ligação entre os alimentos geneticamente modificados, nutrição e saúde.

Pesquisa realizada na Universidade de Missouri, sugere que a aparência é o fator motivador na forma como os indivíduos em idade universitária cuidam de si mesmos. É preciso levar uma revolução educacional no nível primário para garantir que as crianças entendam que centenas de alimentos orgânicos na Terra foram geneticamente modificados para olhar e provar a mesmas fontes da natureza, porém deve-se ressaltar que as informações sobre os alimentos geneticamente modificados têm sido amplamente manipuladas para distorcer a verdade. A ciência da sucata normalmente domina as manchetes quando se trata de alimentos orgânicos e as crianças precisam de orientação na aprendizagem porque os alimentos transgênicos, tais como tomates e maçãs não são tão nutritivos como os seus homólogos orgânicos apresentando ameaças graves para a saúde humana.

Noventa e nove por cento das culturas OGM ou toleraram ou produzem inseticidas que também prejudicam a saúde da criança. Esta pode ser a razão pela qual vemos abelhas em desordem  e o colapso das colônias e a mortes maciças de borboleta. Se os  OGM estão acabando com os polinizadores da Terras, eles são muito mais desastrosos do que a ameaça que representam para as futuras gerações de todos os seres humanos e outros mamíferos.



3. Flúor na água potável

 


 O flúor é oficialmente ligado a principal causa de morte e livros inteiros terão de ser reescritos visto que não há provas definitivas sobre os efeitos não nocivos do flúor ingerido. À medida que mais dentistas são permitidos de entrar na escola, eles vão continuar a educar os mais jovens sobre os motivos que levaram o flúor a ser inicialmente injetado no abastecimento de água e os motivos pelos quais  ele precisa agora sair para reverter antigos mitos relacionados ao flúor ingerido para a prevenção de cáries .


4. Exposição e bloqueamento a luz solar

 


Este é talvez um dos componentes de maior desinformação dos currículos da escola primária que precisa de reforma imediatamente. Milhões de crianças estão lentamente reaprendendo que a luz do sol não é nossa inimiga. De fato, usar o protetor solar pode levar ao surgimento de distúrbios de saúde mental e doenças críticas. Apesar de nossa presença na Terra por incontáveis ​​milênios e unimos ao fato de que as pessoas mais próximas ao Equador têm a menor incidência de câncer de pele, o sol é sempre escalado como o culpado. É hora de definir os fatos em exposição à luz solar diretamente em escolas e de uma vez por todas ensinar as crianças o crescente corpo de evidência que mostram que bloquear os raios solares que atinjam a nossa pele dramaticamente influencia nossos melhores níveis de vitamina D, levando à maior mortalidade, doença crítica mental, distúrbios de saúde e, ironicamente, de câncer, em si.


5. Toxinas no fornecimento de alimentos

 


 Sabores artificiais, cores, conservantes, emulsionantes, edulcorantes e todos os outros feitos com produtos químicos tóxicos, os quais são comprovadamente tóxicos para a saúde humana e que são saturados nos alimentos comercializados para as crianças. Há um nível de terrorismo químico no fornecimento de alimentos que é muito mais perigoso do que o terrorismo que os governos insistem que tememos. Lentamente introduzimos as crianças  como e por que esses produtos químicos tóxicos se infiltraram na oferta de alimentos. Será melhor prepará-los para os avanços na nutrição e suplementação para combater esses alimentos que compõem pelo menos 70% ou mais da dieta americana padrão.


6. Perigos da medicina tradicional

 


O maior equívoco do público sobre medicina tradicional e no sistema de saúde é que ela ajuda crianças doentes. Nada poderia estar mais longe da verdade pois médicos e psiquiatras são extremamente perigosos para a saúde das crianças, pois, eles são os responsáveis por prescrever os medicamentos perigosos, vacinas, antibióticos e medicamentos psicóticos debilitantes. Quando examinamos como a ciência médica vai cortar o veneno, é usando a quimioterapia, tomografia computadorizada é radiação para diagnosticar e tratar o câncer, ou se observarmos o uso de drogas  para controlar os sintomas psiques veremos que elas geralmente interferem com as outras fisiológica. As crianças devem ser mais educadas sobre as quedas de um sistema que é projetado para manter-nos doentes, em vez de saudável.

BPA, fluoreto, parabenos, ftalatos, PFOA, fibra de vidro, oxybenzona, BHA e dezenas de outros produtos químicos são alguns que formam uma lista muito longa de produtos com toxinas ambientais que afetam a todos os lares. Combine isso com as iniciativas de geoengenharia poluindo a atmosfera inteira com toxinas, e você tem um planeta tóxico do solo para o céu. Crianças em desenvolvimento estão sob maior risco do que os adultos para sofrerem danos dos produtos químicos acima. Os efeitos tóxicos são de longo alcance onde afeta-se quase todos os sistemas do corpo, por isso é imperativo que eles aprendam como devemos mudar o nosso planeta em um em que elas serão amigas do ambiente com produtos de consumo que beneficiam o planeta e todos os seus organismos, em vez de destruí-lo.



8. Perigos de Resíduos Radioativos

 


O problema dos resíduos radioativos é algo ainda sem uma uma sem solução. O desperdício de energia nuclear é extremamente perigoso e tem que ser cuidadosamente cuidados por vários milhares de anos (10000 anos de acordo com as normas ambientais da Agência de Proteção dos Estados Unidos). 

Isótopos radioativos, que são liberados de todos os reatores nucleares do mundo, causam doença debilitante e deformidades que afetam o DNA de várias gerações. Tanto o lixo nuclear, bem como usinas nucleares aposentadas  são um legado de risco de vida para centenas de gerações futuras. E flagrantemente contradiz com os pensamentos de sustentabilidade se as gerações futuras terão de lidar com resíduos perigosos gerados a partir de gerações anteriores. No entanto, nunca as crianças aprendem sobre isso na escola. Devemos estabelecer um precedente para futuras gerações, educando-os sobre o porquê de a energia nuclear precisa ser banida em todo o mundo. As crianças devem aprender sobre como a crise ecológica global exige mudanças radicais na forma como usamos a energia e que \ energia livre é um imperativo absoluto para o futuro da Terra e da humanidade.


9. Sociedade pensamento livre

 


Mais importante do que qualquer um dos tópicos acima, as crianças devem saber que todas essas coisas podem evoluir e transformar em benefício da sociedade, se queremos estimular uma sociedade livre pensamento. Pensadores convencionais têm muitos problemas de se soltar da  realidade percebida criada por si para entender o mundo, independentemente de seu dano a si mesmos ou aos outros. Não podemos mais culpar  mecanismos de controle em instituições ou cultura corporativa que ditam o nosso comportamento em uma base diária. Em algum momento, temos de perceber que cada pessoa é responsável por sua própria consciência, independentemente do que lhes foi ensinado por outros. Educação real permite que você pense, a descobrir os princípios da vida, e para avaliar corretamente as suas experiências. Educação dá-lhe a capacidade de saber a diferença entre o possível para o bem da humanidade, em oposição ao viável para mestres malevolentes cujo único desejo é poder e ganância. Educação capacita seus pontos fortes e permite a excelência em todas as áreas do direito que abraçam a sua singularidade. É só então que nossas jovens gerações irão mudar nosso mundo para um de beleza, harmonia e paz. Por Marco Torres em uma investigação especializada, ele é escritor e defensor dos consumidores para estilos de vida saudáveis. Ele é formado em Ciência da Saúde Pública e Meio Ambiente e é um palestrante profissional sobre temas como prevenção de doenças, toxinas ambientais e políticas de saúde.

( via wakingtimes.com )

 Fonte: disclose.
Share this article :
 
Reações: 

Postar um comentário

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2011. Diversão, informação e muito mais... - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger